26 dezembro 2007

natal é...

É voltar a casa e perceber que a cidade está igual,
Entrar no meu quarto e reparar que a minha mãe não jogou fora nenhum dos papéis amarelados que vou guardando,
Beber café com o meu irmão e conversar horas com ele,
Jantar com os velhos amigos de sempre e reviver caminhadas antigas,
(ver na Pepina a irmã que não tenho,
na Carla a indecisão de sempre,
no Filipe um conquistador nato,
no Paulo o conhecimento que quero vir a ter,
no Charles a paciência
e no Raspelho a mesma paixão que eu)
E, por fim, sentar-me à mesa com o núcleo familiar e constatar que, apesar de poucos, podemos realmente contar uns com os outros.
E talvez natal seja isto mesmo.

2 comentários:

Ana Ferro disse...

São noites como aquela de dia 23 de Dezembro que temos de repetir continuamente, pra avivar a memória e sentir o carinho e o apoio de sempre =)

Anónimo disse...

gostei das nossas caracterizações :) venham de lá mais jantares

Filipe