18 junho 2008

Mãããããeeeee, tira-me deste filme!

Ontem, na inauguração da Biblioteca Municipal de Olhão, disseram que achavam que eu tinha... 16 ANOS (é normal? ok, se calhar é! estava de calções, blusa cor-de-rosa, chinelos e unhas pintadas de roxo).
Mas, em contrapartida, também disseram que eu era a fotógrafa mais bonita no local (essa já não pega! todos os outros eram do sexo masculino).
No dia anterior vi jeitos de apanhar porrada de um cigano só por lhe ter dito para tirar o banquinho do local onde eu queria estacionar o carro.
E no dia antes desse era para ter dado um salto à praia mas, quando consegui juntar todas as porcarias necessárias para tal e fechar a porta de casa, apercebi-me que me tinha esquecido das chaves do carro lá dentro e das chaves de casa junto às do carro. E fiquei estupidamente sentada à porta à espera que algo acontecesse.
E há uns dias atrás...
Ok, pronto, vou já calar-me!

11 comentários:

Raindogs disse...

Esse carro é mau Karma...

Susana disse...

E há uns dias atrás...
escreveste um post. E com ele me comovi. Sou lamechas, nada a fazer.
Mas não peças desculpa por algo que não fizeste.
Ao cigano? Esse sim. Merecia um pedido de desculpas. Ou o pobre não terá direito a estacionar o seu banquinho? ;)

Bjos!

Lisa disse...

Raindogs, começo seriamente a concordar contigo. Tenho de ver se vou à bruxa porque o carro anda mesmo amaldiçoado.
Em seis meses, espatifaram-me o véiculo duas vezes, furei um pneu e perdi a chave toda XPTO. E tudo isto quando o desgraçado tem apenas um ano. Será de mim?
Susana, opá o cigano estava mesmo a pedi-las. Não havia lugar para estacionar e o desgraçado resolveu guardar espaço para pôr a carrinha sabe-se lá quando.
Bjs.

Ana Ferro disse...

Não é o carro que tá amaldiçoado, tu é que andas sempre de cabeça no ar e deixas tudo onde calha!
Cabeça de nabo lol Quantas vezes perdeste tu coisas ou as deixaste esquecidas aqui e ali? Ah pois é, nem sabes...! Isso dos acidentes foi azar, mas das chaves é mm porque és cabeça de nabo =p gosto de chamar-te nomes, já viste? Só love! O que é certo é que tenho saudades e nunca mais há tempo pra, nem que seja, beber um café ou tar na tagarelisse até às quinhentas! Tenho tb saudades da Carla. Essa é outra cabeça de vento lol Mas são as minhas cabeças de nabo e de vento preferidas! TENHO SAUDADES VOSSAS GAJAS! E pronto acabaram-se as lamechisses lol
Kiss Kiss

MSIAD A POTES disse...

hehehe... Imagina-me a rir. Já está? agora multiplica por 5 cada uma das minhas risadas. E agora podes imaginar como me ri por ver tu a fazeres cenas piores que eu!!

hehe h e he hehe h ehehhhhh heh ehehheheh ehehehhe h eheh ehehehe heeheheh ehehhehehe h

MSIAD A POTES disse...

Só agora li as tuas saudades... claro que me ri mais um pouco de felicidade por saber que ainda te lembras que eu existo!

lol... ainda te lembras da minha cara ou tenho de te enviar uma foto antes do nosso proximo encontro??

Beijinhos gajas mais amigas, sinceras, fofas, teimosas e lindas!

Lisa disse...

Hum... Deixa-me ver. Tu és aquela que é meio aloirada, baixinha e gorducha. Ou és a outra: alta, forte, loura e espadauda?
Agora tenho dúvidas.
Na próxima vez que perdermos horas no paleio logo confirmo.
Beijo grande, chouriça!

Ana Ferro disse...

Confirmo que ela é alta , loura, forte e espadauda... espera... não... afinal acho que não lol Tava a confundi-la. Ela tb já teve estes desaires de confundir altos, louros, fortes e espadaudos com baixos, morenos, meio atarracados e assim loooooool Aqui é que foi a risada lol

MSIAD A POTES disse...

hElAAAAAAAAAAAAA... sabes que eu sofro de miopia, estigmatismo e no final das contas, o gajo tinha olhos azuis ou não tinha??? Hã isso de ser alto é relativo... espadaudo tb... loiro era quaseee... mas vocês tb n deviam de estar a ver muito bem porque era de noite :P

Lisa disse...

Gaja, desculpa lá, mas...
Quando é que aquela coisa pequena, raquítica, magricela, esquisita e que nem se dá por ela poderia algum dia ter sido apelidado de "alto, loiro, forte e espadaudo"?!
Vê se renovas os óculos e revês os adjectivos no dicionário. E não, alto não é relativo, tendo em conta que tu pareces uma trave e o mocinho quase não se via.
Que cromo desmarcado tu és!
Beijos

Ana Ferro disse...

O que é giro é que apesar de o episódio ter ocorrido há um porradão de tempo, a cena foi tão caricata que é impossivel não lembrar e não rir! E eu não me canso de gozar ctig gaja, nem eu nem aí a bacorona lol Olha que meninas! =p Gaja tu compra-me lentes de contacto, pra andares sempre com isso nos olhos pra não teres equivocos no futuro lol